Hipnose ganha espaço para tratamento de depressão

Atualizado: Fev 6

A técnica é uma ferramenta avançadíssima de cura e principalmente no auxilio as pessoas a resgatar seus melhores recursos de sanidade


A depressão enquanto síndrome, conjunto de sinais e sintomas, caracteriza-se pelo humor embotado, denotando a presença trazendo comprometimentos à vida, tais como:

            Cansaços prolongados, desmotivações sem sentido aparente, recusa de convites sociais, tudo vai parecendo cinza e sem energia, presença de baixo auto-estima, dissociação de consciência em casos extremos, podendo até chegar ao suicídio.





            Bem, faz-se necessário buscar as causas conscientes e inconscientes desse estado de humor em que a pessoa ficou fixada.


            Há uma gama de causas, como lutos não elaborados, perdas de entes queridos, perdas financeiras, medos sócios-culturais, ambientes lúgubres, violência urbana, os mais variados medos, passar por situações de extremo estresse, podendo transformar-se em transtorno de estresse pós-traumático, preocupações gerando ansiedades com o que se quer ou com o que não se quer que aconteça, medo de envelhecer, etc, etc.


            Percebe-se que a gama de causas é imensa.

            Podemos entender o estado de fixação chamado de depressão, como o instante de reflexão profunda, onde com a ajuda de um profissional da saúde mental, no caso um hipnoterapeuta clínico, colher recursos da mente inconsciente e consciente que o pacientes está utilizando para “estar depressivo”.


            Em outras palavras, quais os elementos vigentes e presentes que em sinergia, estão construindo um campo afetivo denominado de “depressão”.


            Elementos que podemos exemplificar resumidamente como sendo, hobbies, rotinas, dietas, rede de amigos, dores, angústias, pedidos de socorro subliminares.



            A causa da depressão pode estar em estados de consciência mais profundos, quando se busca ajuda da atividade hipnótica “hipermnésia”, pode-se alcançar as causas profundas na mente inconsciente, na forma de imagens, situações vividas ou assistidas de outros.


Exemplificando: Paciente entrou em estado fixado de depressão, por que filha foi aprovada em vestibular e iria estuda fora. Sintomas de humor deprimido por mais de uma semana e bruxismo ou ranger de dentes. Feita regressão de idade ou hipermnésia, acessou-se registros mnemônicos em que a mesma reviveu personagem de mulher, onde dava à luz a uma filha  que imediatamente foi-lhe retirada do convívio materno. Ao entrar em contato com tal registro de memória e o integrar com propostas terapêuticas relacionadas ao transtorno de estresse pós-traumático, curou-se.


            A hipnose como forma específica de pensar é uma ferramenta avançadíssima de cura e principalmente auxiliar as pessoas a resgatarem seus melhores recursos de sanidade e de florescência.


Luiz Tadeu M. de Oliveira

Hipnólogo Ericksoniano


Fonte: O Progresso Digital

13 visualizações
Ver y Crer | Terapias e hipnose – 2019 © Todos os direitos reservados    |
  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
|   Site desenvolvido por:
XP Comunicacao LOGOTIPO  RGB - WHITE.png